O homem do Chapéu (III)

Tornou-se coleccionador de silêncios. 

Afinal a brisa não era o vento cansado de um dia de sol a falar com alegria morna, mas sim vento a experimentar o silêncio para das palavras sentir novamente saudades. 

O chapéu começou a levitar por cima da sua cabeça, apresentando o frio aos seus pensamentos. Nunca mais pousou.

 

Foto: Rodney Smith 

Lara Longlechapéu, vento